Lucas Fiuza

Bodybuilder Pro

Nome

Lucas Fiuza Ede 

DATA DE NASCIMENTO

21/12/1994

ALTURA

1,78 m

PESO

130 kg

CIDADE NATAL

Boca Raton - Flórida

RESIDÊNCIA ATUAL

Campinas-SP

Career highlights

Campeão Sul-Brasileiro 2015
Campeão Ponchet Classic 2015
Campeão Muscle Contest 2018
Campeão Iceland Open 2018 – Pro Card

PRODUTOS FAVORITOS

Joint RX, Digestion RX, Liver RX, Mr Veinz, Dr. FEAAR
Minha trajetória como atleta começou desde o berço, sempre tive muito interesse em competições de todos os tipos.
Sempre fui competitivo a ponto de estar disposto a me machucar pra tentar ganhar de você em uma corrida até a esquina.
 Competir pra mim é um prazer maior do que qualquer esporte que eu pratique, tenho diversas paixões como basquete, automobilismo, natação e bodybuilding.
 O Bodybuilding foi o que mais me encantou por conta da tamanha dedicação que é necessária e porque foi o único esporte que eu sempre fui RUIM.
Meu primeiro campeonato foi em 2013. Eu fui para o Estreantes Paulista. Eu queria muito competir, porém não fazia ideia do q eu iria enfrentar. Nunca havia visto um fisiculturista na minha vida.
 Quando eu vi, me apavorei e fiquei desesperado. Acabei me inscrevendo em categoria na qual os atletas pareciam menores - que era a Mens Physique. Fui desclassificado por estar fora do padrão.
 Em 2015 preparei para o campeonato Sul Brasileiro 2015, fazendo um show de teste uma semana antes. Foi a Copa Work Iron, na qual fiquei em segundo lugar.  Ali eu confirmei tudo que precisava confirmar.
Na semana seguinte fui campeão Sul Brasileiro no sábado. Poucas horas depois, sai da competição de ônibus e fui de Balneário Camboriú até São Vicente para competir o Ponchet Classic, show que também fui campeão.
 Duas semanas depois fui competir o Mr Santos.  Nesse campeonato eu estava muito focado em vencer um atleta que representava pra mim o próximo nível.
Meu treinador fez a escolha de abaixar bruscamente meu peso para me adequar à categoria de peso dele e acabamos ficando em quarto lugar na categoria Senior entre 70 atletas.
Pouco tempo depois, conheci o Juan Morel - IFBB Pro - atleta que já competia o Olympia a alguns anos. Ele começou a cuidar da minha jornada e o progresso então foi exponencial.
Após imprevistos, em 2018 eu finalmente consegui fazer uma boa preparação e competi o primeiro Muscle Contest Internacional realizado no Brasil. Fui campeão na categoria Heavyweight e Top 3 no overall. Foi ali que comecei a chamar atenção de vários entusiastas do esporte.
Minha meta era ser o mais jovem atleta Brasileiro a se profissionalizar no Bodybuilding. Para conseguir isso eu tinha que virar pro antes de meu aniversário de 23 anos. Para poder cumprir essa meta, eu teria que ir até a Islândia ainda em 2018 para competir, pois essa seria a minha última chance de conseguir esse feito.
Na época eu tinha juntado todo meu dinheiro pra ir e acabei ficando sem dinheiro para comer no país, ainda sim consegui conquistar meu pro card e voltei para o Brasil.
 Ao chegar aqui, tinha policiais na minha casa e uma revira volta na minha vida estava começando. Por problemas legais meu pai perdeu tudo que tínhamos. Inclusive, todos os meus bens também foram embora.
Eu fiquei sem ter onde morar e minha namorada me acolheu na casa dela. Nessa época eu não tinha patrocínio, estava com contas bloqueadas e sem poder trabalhar.

Nessa época eu tinha acabado de contratar o Stefan Kielnz como meu novo treinador, mas disse para ele que não poderia mais continuar a competir, pois minha preocupação maior era sobreviver.
Tudo isso acabou atrasando meus planos para competir no Pro. Agora, a meta era que o Arnold Brasil 2020 fosse o meu primeiro Show Pro.
Porém, em 2020 tivemos a pandemia e o campeonato foi cancelado. Fui até Nova Iorque, para competir o New York Pro. Cheguei 3 semanas antes da competição, mas poucos dias antes da data, a competição foi cancelada.
Eu continuei tentando competir, com tentativas frustradas até o final do ano, foi quando o Stefan disse que não poderíamos mais continuar a preparação pois já estávamos tanto tempo forçando o corpo que não iria mais ser produtivo ou saudável
 Nessa época, eu a Dragon Pharma começamos o Projeto Becoming Number One.
Após toda a turbulência de 2020 e todos os altos e baixos, decidi que toda essa história deveria ser documentada e contada de uma forma que exalte a minha vitória no final.
 A Dragon abraçou essa ideia, pois viu o mesmo ideal da empresa, de nos tornamos juntos número 1.

Quando e porque começou a treinar?
Por influência da minha namorada da época e amigos da escola, quando decidi treinar já decidi também que iria competir!
 
Como entrou no mercado fitness?
Sem querer =D
 
Quais são seus exercícios favoritos
Agachamento e levantamento terra.
 
Qual é a sua parte do corpo favorita
Cintura escapular.
 
Quem é sua inspiração neste esporte?
Shawn Rhoden, Flex Wheeler, Kevin Levrone
 
O que fez você se interessar em fazer parte do time Dragon Pharma
Eu sou a cara da marca! Não poderia me identificar mais. Somos intensos, old school, competitivos e originais.

-QUAL É O SEU PRINCIPAL OBJETIVO DE TREINO ATUALMENTE?
Nesse momento estou treinando para ganhar volume e fazendo cardio para manter meu sistema cardiovascular saudável e meditação para ter uma mente sã.

 
-QUAL É A SUA REFEIÇÃO FAVORITA NO DIA DO LIXO?

Eu não costumo faço refeições livres, mas quando eu faço gosto de algo que não pareça com dieta como hamburguer ou doces.

 
-QUAL É O SEU HOBBY FORA DA ÁREA FITNESS?
Meus hobbies são andar de moto e jogar dota.

-QUAL É O SEU CONSELHO PARA AQUELES QUE DESEJAM ENTRAR NO MUNDO FITNESS / BODYBUILDING?

Meu conselho resumido em uma única palavra é PACIÊNCIA. 
Isso significa que você deve saber que vai demorar, e saber disso deve te ajudar a entender que você não precisa ser perfeito. Você pode se permitir errar, mas sempre buscando progredir. Pois se já demora fazendo certo, não fazendo se torna impossível.

Meu treinamento é dividido em 3 partes.

Treinamento de musculação que serve para modelar e construir os músculos do meu corpo para minhas competições.

A minha metodologia, divisão e frequência de treino pode variar de acordo com a fase, considerando fatores como recuperação, lesões, imprevistos, disponibilidade de maquinas, viagem etc.

A divisão mais comum é:

Dia 1 – Push (Peito, Ombro, Triceps)
Dia 2 – Pull (Costas e Biceps)
Dia 3 – Legs (Pernas completo)

A segunda parte do meu treino é o treinamento aeróbio, que serve para a saúde cardiovascular, para auxiliar no meu gasto energético em fases de preparação, e para passear com minha namorada. 😊 😊

A terceira parte do meu treinamento é meditação, essa parte é muito importante pois a mente é mais importante do que qualquer músculo na carreira de um bodybuilder. Essa pode ser a melhor amiga ou inimiga de um atleta.

Eu pratico yoga ou faço sessões de meditações cerca de 10 a 30 minutos por dia.

DIETA OFF-SEASON

JEJUM Água, limão, glutamina, vinagre de maçã, Digestion RX, Aloe Vera.
REFEIÇÃO 1 Claras ou Isophorm, Aveia, Bananas
REFEIÇÃO 2 Frango ou tilápia, arroz, legumes verdes
REFEIÇÃO 3 Isophorm, Aveia, Bananas
REFEIÇÃO 4 Frango ou tilápia, arroz, legumes verdes
REFEIÇÃO 5 Carne vermelha, arroz, legumes verdes
REFEIÇÃO 6 Claras e oleaginosas ou salmão com legumes

 

SUPLEMENTAÇÃO

Pré-Treino – Mr Veinz, ATP Force. Venom nos dias de peito.

Intra-Treino – Dr Feaar, Dextrose

IsoPhorm

Toda a linha RX, com destaque para o Digestion RX e Joint RX

Também utilizo alguns tipos de Vitaminas e enzimas específicos para as minhas necessidades:  Multivitamínico, vit D3, vit K2, Silimarina, NAC, Astragalus, Citrus Bergamot, Picnogenol, Omega 3 ou Krill oil, KSM 66, magnésio, L-Carnitina